Simpsons e De Volta Para o Futuro preveram eleição de Trump


A cultura pop tem um talento absurdo para prever (e acertar) o futuro. Quem é fã dos Simpsons sabe muito bem do que eu estou falando – não foram poucas as vezes em que o escrachado desenho exibiu cenas que fazem um surpreendente paralelo com a realidade futura. Entre elas, a sugestão, no episódio Bart to the Future exibido no ano 2000, de que Donald Trump seria presidente dos EUA. A piada na época, agora virou um preocupante fato:

No entanto, Os Simpsons não foi o único a acertar previsões ligadas a Trump. O filme De Volta para o Futuro – Parte II, de 1989, meio que também adivinhou a ascensão do candidato republicano ao poder. Bob Gale, roteirista da aventura sci-fi, confessou ano passado que o vilão Biff Tannen (interpretado por Thomas F. Wilson), o inimigo de Marty McFly, foi baseado no recém-eleito presidente.

Quem assistiu ao longa deve lembrar de uma versão paralela de Hill Valley, onde Biff é o todo poderoso, vivendo num cassino de 27 andares. Com os lucros obtidos através do Almanaque de Esportes, ele usou sua fortuna para chegar ao poder na política e transformar a cidadezinha de Marty num terra sem lei. O canal I Imagine editou o trecho do filme, trocando o nome de Biff Tannen por Donald Trump. Confira abaixo o divertido resultado:

Qualquer coincidência é mera semelhança!