Os Filmes Mais Perturbadores do Planeta #30: Gummo


Hiper-realista e surreal, Gummo: Vidas Sem Destino é um tapa na cara do american way of life. Retrato do white trash – termo depreciativo dado à população branca norte-americana de classe baixa -, o longa aborda um vasto leque de temas como abuso sexual, preconceito racial, homofobia, dependência de drogas, entre outros. Dirigido por Harmony Korine (o roteirista de Kids), trata-se de uma obra semi-documental, indicada para poucos, que provoca vergonha e repulsa na mesma medida.

  • Breno Oliveira

    Eu sugiro que o próximo seja o filme “arte do demônio”, é bem perturbador mesmo, há muito tempo está merecendo uma chance para o programa.