Philip Seymour Hoffman morre aos 46 anos


Phillip Seymour Hoffman O norte-americano Philip Seymour Hoffman, de 46 anos, foi encontrado morto, no banheiro de seu apartamento em Greenwich Village, bairro de Nova York, segundo o Wall Street Journal. As primeiras informações indicam que o ator, cujo corpo ainda tinha uma agulha espetada no braço quando foi encontrado, pode ter sofrido uma overdose. A polícia fez a descoberta após uma ligação de emergência por volta das 11:15h (14:15h de Brasília) feita por um amigo dele.

No passado, Hoffman reconheceu publicamente ter tido problemas com drogas após se formar na escola de artes dramáticas da Universidade de Nova York (NYU), mas que voltou a ser sóbrio. Após 23 anos sem usar drogas, ele teve uma recaída em maio de 2013, e precisou ser internado em uma clínica de reabilitação por dependência de heroína.

Philip Seymour Hoffman nasceu em Fairport, nos EUA, e iniciou sua carreira na televisão, em 1991. No ano seguinte começou a aparecer no cinema, conquistando reconhecimento por seu trabalho como coadjuvante em diversos filmes célebres – Perfume de Mulher (1992), Twister (1996), Boogie Nights (1997), entre outros. Em 2005, ele conquistou o Oscar de Melhor Ator por Capote, filme onde interpreta o personagem título, e sua carreira deslanchou.

Atualmente, Hoffman participava da saga Jogos Vorazes e estava se preparando para rodar Ezekiel Moss, seu segundo filme como diretor, com Jake Gyllenhaal e Amy Adams, no elenco. Ele era casado com a estilista Mimi O’Donnell e deixa três filhos: Cooper, de dez anos; Tallulah, de seis; e Willa, de quatro.