Cronenberg de volta aos thrillers psicológicos


A Dangerous Method, adaptação cinematográfica da peça The Talking Cure de Christopher Hampton – que, por sua vez, era baseado no livro A Most Dangerous Method de John Kerr – marca a terceira parceria entre o diretor David Cronenberg e o ator Viggo Mortensen, após o premiado Senhores do Crime e a adaptação dos quadrinhos Marcas da Violência.

O longa, que está sendo vendido como um thriller psicológico, romanceia fatos e acompanha a relação de Sigmund Freud (Mortensen) e Carl Jung (Michael Fassbender), considerados os pais da psicanálise, com a russa Sabina Spielrein (Keira Knightley), uma das primeiras mulheres psicanalistas da história, que foi paciente no hospital onde Jung trabalhava, em Zurique. Assista abaixo:

O elenco também conta com Vincent Cassel e Sarah Gadon. O roteiro foi escrito pelo próprio Hampton, um sujeito já acostumado com adaptações literárias e peças teatrais retratando conflitos amorosos – é dele também os premiados scripts de Ligações Perigosas (1988), Carrington – Dias de Paixão (1995) e Desejo e Reparação (2007).

Um Método Perigoso foi recentemente adquirido pela Sony Pictures Classics que pretende estreá-lo durante o Festival de Veneza em setembro. A previsão da distribuidora é de lançar o filme ainda esse ano nos Estados Unidos, de olho em possíveis indicações para o Oscar.

  • Eduardo

    David Cronenberg é um dos meus diretores preferidos e, junto ao novo filme do Argento, Drácula 3D, acredito que "A Dangerous Method" também não decepcionará. Não vejo a hora de assisti-lo.

  • Eduardo

    Sem data de estréia aqui no Brasil?