“Era Uma Vez no Oeste” em Blu-ray!

“Vi três casacos iguais a esse há pouco tempo, esperando um trem. Dentro dos casacos, havia três homens. Dentro dos homens, três balas”. A frase poderia soar como piada ou, pior, como clichê de terceira categoria, não fosse pronunciada pelo então iniciante Charles Bronson num dos vários momentos antológicos de um dos mais fantásticos westerns de todos os tempos: Era Uma Vez no Oeste (C’Era una Volta il West), obra-prima dirigida pelo italiano Sergio Leone em 1968 que agora chega em alta-resolução.

O blu-ray Once Upon a Time in The West lançado pela Paramount conta com legendas em português (PT-BR) e já pode ser adquirido na Amazon norte-americana. Vários websites especializados têm se derretido em elogios quanto a nova remasterização de áudio (agora apresentado em DTS-HD MA 5.1) e vídeo, feitos especialmente para esta edição.

Os extras são os mesmos já apresentados na versão lançada em DVD duplo:

  • Comentários com participação dos diretores John Carpenter, John Milius e Alex Cox, dos pesquisadores Sir Christopher Frayling e Dr. Sheldon Hall, do elenco e equipe;
  • Documentários An Opera of Violence, Something to Do with Death e The Wages of Sin, incluindo entrevistas exclusivas de Claudia Cardinale, Gabriele Ferzetti, Bernardo Bertolucci e o cineasta Tonino Delli Colli;
  • Entrevista de arquivo com Sérgio Leone e Henry Fonda;
  • Curta-metragem A Ferrovia: Revolucionando o Oeste;
  • Galeria de Locações: Ontem e Hoje;
  • Galeria de produção;
  • Biografias do Elenco – Henry Fonda, Charles Bronson, Claudia Cardinale, Jason Robards e Gabriele Ferzetti;
  • Trailer de Cinema

Na Alemanha, onde Leone tem uma enorme legião de fãs, o longa ganhou uma giftset de encher os olhos (e esvaziar os bolsos) de qualquer cinéfilo que se preze.

O disco blu-ray (em estojo steelbook) vem acompanhado de belissíma caixa de madeira com detalhes em dourado contendo um isqueiro zippo exclusivo, um livreto ilustrado, três cards em estilo vintage, uma gaita de metal e um poster formato A2 (60×42 cm). Harmonica faria de tudo para colocar as mãos nesta belezura! Infelizmente, as opções de áudio (inglês, espanhol, francês) e legendas (inglês, espanhol, francês, alemão) não incluem português.

A disponibilidade deste giftset em edição LIMITADA está variando bastante na Amazon alemã. O valor do produto, já dentro do carrinho de compras + frete é de EUR 68, 61 (cerca de R$ 160,00). Uma “ninharia” considerando a importância da obra para a sétima arte.

E por falar em “ninharia” lembrei do diálogo irônico entre Harmonica (Bronson) e Cheyenne (Jason Robards), quando o primeiro entrega o outro ao xerife da cidade: “A recompensa por esse homem é de cinco mil dólares, certo?”, pergunta Bronson. “Judas se contentou com 4.970 moedas a menos”, provoca Robards. “Não havia dólares naqueles dias”, retruca o pistoleiro. “Ah, mas filhos da p… já existiam”. Antológico é pouco.